Memórias de Infância – Técnica de Leitura Fria Com Alta Associação

Como sabermos sobre as memórias de infância de uma pessoa que acabamos de conhecer? Como adivinharmos as memórias mais remotas do passado de uma pessoa? Existe uma técnica na Leitura Fria chamada Memórias de Infância, e é sobre ela que vamos tratar aqui…

Se você ainda não viu a importância e o por que de utilizar a Leitura Fria, recomendo que acesse: Por Que Utilizar a Leitura Fria, lá vamos tratar dos contextos onde pode-se aplicar a técnicas de Leitura Fria e também vou lhe contar mais de 10 objetivos pelos quais você pode aplicar…

Mas afinal Edu, o que são as Memórias de Infância e como utilizar a técnica?

Confira uma explicação mais detalhada da técnica a seguir!

Técnica de Leitura Fria – Memórias de Infância

Memórias de Infância

Assim como o nome, essa técnica Memória de Infância tem como escopo uma declaração de caráter com base em experiências comuns da infância. O truque é inventar declarações que são apenas ligeiramente menos óbvias, ou pelo menos parecem ser assim no contexto de uma leitura. Vamos para os exemplos que você vai entender melhor…

Memórias de Infância – Frase Exemplo Nº 1

Em seus anos mais jovens eu tenho a impressão que você teve um interesse particular ou um assunto que estava muito interessada, e que era promissor para você se aprofundar naquilo. Eu tenho uma sensação de que isso era algo sobre o seu lado mais criativo ou lado artístico, onde talvez seus pais te incentivavam e sentiam o mesmo que você, mas como eles mesmos dizem: não era para ser…

Esse tipo de comentário é congruente com a maioria das pessoas. O simples fato é que a maioria das crianças buscam perseguir suas aptidões com muito entusiasmo. No entanto, normalmente não conseguem desenvolver suas paixões pessoais e transformá-las em fama e fortuna. Logo, os interesses em questão tornam-se negligenciados.

É bom destacar que normalmente esse talento frustrado guardado na memória de infância é mais aparente em duas categorias: criativo/artístico ou esportes. 

Eu sei que a técnica Memórias de Infância parece ser simples demais para ser verdadeiramente eficaz, mas deixe-lhe dizer um aspecto do leitor frio e a psicologia. No decurso de uma leitura bem sucedida, o leitor pode fornecer a maioria das palavras, mas é o cliente que fornece a maior parte do significado, senão por dizer TODO o significado. Clientes tendem a imaginar cada situação dentro da sua própria experiência para palavras gerais de um leitor habilidoso. Com isso em mente, remontar uma lembrança do passado para uma pessoa que acabou de conhecer é como dar um estalo de vidência e rápida associação ao poder de leitura fria que o leitor possui…

Em outras palavras: Se utilizada corretamente essa técnica IMPRESSIONA! Digo isto porque este é um importante fator psicológico da Leitura Fria. Pense comigo: A simples referência a “um talento ou capacidade” pode evocar um conjunto altamente detalhado e vívido de memórias na mente do cliente, cheia de lembranças muito específicas e com sentimentos, como: 

  • Se esforçando para tocar piano;
  • Produzindo a primeira pintura à óleo;
  • Ganhando a primeira medalha do time de futebol do colégio…

Posteriormente, o leitor recebe o crédito, não para a instrução de memória de infância em sua forma crua, mas sim por ter “percebido” todas essas memórias específicas e sinceras dos anos que se passaram.

Memórias de Infância – Frase Exemplo Nº 2

Outra forma de aplicação das Memórias de Infância e que faz muito sucesso é a dos “pais ansiosos”, que é praticamente assim:

Novamente, olhando para seus anos mais jovens, de formação, enquanto todas as crianças têm algumas doenças menores consigo sentir algo mais significante aqui… Que pode ter sido uma doença, pode ter sido uma lesão ou um acidente, mas foi realmente algo muito grave. Eu consigo sentir os teus pais e outras pessoas ao seu redor estavam preocupados demais no momento e fizeram o que precisava ser feito, dado a forma com que as coisas ocorreram…

Este é apenas mais uma Leitura Fria que utiliza-se da generalidade extremamente específica. Afinal, a maioria esmagadora das crianças passam/passaram por alguma enfermidade considerada de certo risco (doença grave ou ferimento acidental). 

Aqui se oferece a sensação de “ver” e leva o cliente para uma memória de infância capaz de sugar sua atenção para as lembranças do momento, o presta ao cliente um sabor psíquico de adivinhação do leitor. Algo que também é muito comum é uma variante “envolvendo água”. A maioria das pessoas pode encontrar algo na sua infância que se conecta com uma declaração nesse sentido… Você, por exemplo… Não teve algum caso um pouco grave quando mais jovem?

Memórias de Infância – Frase Exemplo Nº 3

Outra contexto que também pode ser aplicada a memória de infância é referente aos primeiros passos da carreira. Não é tão de infância, mas funciona como se fosse. Vamos nomear essa aplicação de “O Emprego de Sorte”…

Movendo-se mais na linha no tempo, consigo olhar agora para quando você conseguiu o primeiro emprego o que fez a sua vida se mover de forma diferente. Isso é difícil de explicar… Fico com uma sensação de que havia algo de sorte ou talvez felicidade sobre isso, talvez uma coincidência forte ou algum golpe de sorte a seu favor. De qualquer forma… algo não muito calculado de como você chegou a esse trabalho ou posição… Acho que talvez isso faça sentido para você…

Bem, esses foram apenas alguns exemplos de como utilizar a técnica Memórias de Infância da Leitura Fria. Confira o vídeo abaixo para entender uma forma bem profissional de aplicação. A sua performance não precisa ser tão detalhada, mas vale a pena conferir para saber a que nível se pode chegar…

Conclusão

Como vimos podemos utilizar as Memórias de Infância dando uma afirmação do caráter apenas com base nas experiências comuns da infância. 

Abordei também 3 exemplos bem claros da utilização da técnica em contextos diferentes e você pode perceber que o segredo é inventar declarações menos óbvias, porém específicas sobre aspectos gerais que todas as crianças percorrem durante a fase infantil ou enquanto adolescente.

Espero que tenham sido produtivas as explicações e que você possa levar adiante seus estudos sobre Leitura Fria. Caso queira aprimorar-se mais ainda recomendo que conheça o 101 Frases de Leitura Fria, ou ainda os Arquivos Secretos de Leitura Fria, ou ainda, se quiser misturar Leitura Fria com Hipnose o Como Ser Um Verdadeiro Mentalista

Um grande abraço…

Bacharel em Direito, Conciliador do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, Hipnólogo formado por Olimar Tesser, Practitioner de Hipnose, Estudioso da Área Linguagem Corporal, Microexpressões Faciais, Leitura Fria, Mentalismo e Vidência.

Gostou do artigo? Deixe um comentário:

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Site Footer

VÍDEO AULA GRÁTIS DE LEITURA FRIA
100% Grátis.
Definição, Técnicas e Prática